Cubismo

terça-feira, dezembro 12, 2006

A arte Cubista - Época de grandes mudanças

Um apreciador da pintura cubista o Marcelo Gleiser afirma que o século 20 foi marcado por revoluções consecutivas na arte. Segundo este físico destruí "de um lado, Pablo Picasso destruiu a rigidez plástica na pintura, tentando, com o cubismo, expandir as possibilidades de representação de imagens tridimensionais em telas bidimensionais. Aproximadamente na mesma época, Albert Einstein destruiu a rigidez da concepção newtoniana de espaço e tempo, mostrando que medidas de distância e de tempo não são absolutas, independentes do estado de movimento de quem as faz, mas, sim, dependentes do movimento relativo entre observadores.”
Os artistas cubistas pretendem demonstrar artisticamente uma reprodução vista ao mesmo tempo de perspectivas diferentes. Era como que se o cubista estivesse numa quarta dimensão.
Ainda segundo Gleiser, "Picasso e Einstein foram influenciados pelo matemático francês Henri Poincaré que, no início do século, propôs que a geometria descrevendo a realidade não era única. Picasso, através de seu amigo Maurice Princet, e Einstein, ao ler o livro ‘Ciência e Hipótese’, publicado em alemão em 1904. Para ambos, a função da ciência e da arte é revelar a essência da realidade que se esconde por trás da limitada percepção sensorial. Mesmo que a quarta dimensão de Picasso seja diferente da de Einstein, nossa visão de mundo foi profundamente mudada por ambas"

1 Comments:

  • Meu marido é pintor e trabalha como apreciador de arte.
    Eu gosto muito de ir a todo tipo de eventos e sempre aprendo algo novo.

    By Blogger Mariana, at 4:15 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home